terça-feira, 23 de junho de 2009

Paralisação do dia 22/06

Ontem as três categorias da UNESP-Bauru, estudantes, funcionários e professores estavam paralisados contra a repressão na Universidade Pública do estado de São Paulo. Esta data foi decidida em Assembléias realizadas semana passada, por cada categoria, nas quais o foco era justamente a repressão e a retomada das negociações da pauta unificada do fórum dos sindicatos dos trabalhadores, das associações docentes e das entidades estudantis das três universidades estaduais paulista, o Fórum das Seis. Essas negociações ocorrem com o Conselho de Reitores das Universidades do Estado de São Paulo, o Cruesp, e não estão avançando devido a politicagem do Cruesp e a sua truculência ao permitir a invasão da polícia na USP (como mostram os vídeos postados aqui noo blog).

Devido a esses fatos ontem houve uma paralisação parcial das atividades com aderência em massa dos funcionários do campus e parcelas dos alunos e professores. O intuito era de avançar na discussão sobre repressão e as demais questões que afligem a UNESP e a Universidade Pública. Houve panfletagem desde as 9h da manhã por parte do movimento estudantil daqui para chamar os estudantes para a paralisação. Houve também duas reuniões durante a tarde para discutir os problemas citados. As reuniões estavam esvaziadas, mas fomentaram mais uma vez a discussão no campus.

Dessas reuniões se decidiu por realizar uma Assembléia Geral dos Estudantes na quinta-feira, dia 25/06, as 17:30, na sala 54. Será feito um balanço da paralização e da retomada das negociações da pauta unificada, será discutida a mobilização em geral, tanto do campus quanto do estado e também será discutido o Restaurante Universitário e a reunião do dia 26/06 que será sobre o projeto do R.U.. A reunião ocorrerá as 14:30, na sala da Concgregação da FC e da FAAC que é no prédio das graduações e diretorias das duas faculdades.

Sendo fim de semestre é complicado se juntar para lutar pelos nossos direitos, afinal, o cotidiano vai contra a nossa mobilização, mas nãon podemos deixar de lado os problemas que afligem a Universidade.

Vamos todos para a Assembléia de quinta-feira fazer um balanço sobre as nossas mobiilizações!

Vamos para essa reunião sexta-feira decidir como será o Restaruante do campus de Bauru!


Não vamos deixar que as nosso cotidiano nos deixe inertes, nós podemos conquistar as nossas reivindicações na luta!


Em breve mais informes do movimento estadual e de Bauru...

Um comentário:

alice disse...

pessoal como foram as reuniões? avisem ai qualquer novidade sobre o boletim e o site ok? abraço